Entra ou Sai

Maio 13, 2009

O Mar e Eu

Filed under: POESIA,Uncategorized — carva55 @ 5:46 pm
Tags: , , , , , , , ,
Da Net

Da Net

Nove e tal da manhã.

A praia
Está quase deserta.


Aqui
E ali
Umas pessoas
Distantes e sós.

Deito-me de bruços.

E agora
Só agora
Solto o grito surdo
Deste sufoco
Que me tortura.

Pelo tanto?
Pelo quase tudo?
Pelo Muito?
Pelo quase nada?

Nem sei!

São contradições
Em forma de recordações.

A brincar, o Mar enrola na areia.

Olho-o e ele olha-me.

Neste momento
Em que me sinto só
Só ele me olha
Só ele me fala.

Este Mar que tanto me atrai!

Até quando resistirei?

Praia da Fonte da Telha, Maio de 2004

Deixe um Comentário »

Ainda sem comentários.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

site na WordPress.com.

%d bloggers like this: