Entra ou Sai

Abril 24, 2007

Da noite se fez dia

chuva31.jpg


Era noite cerrada
Num céu de negro
Carregado
De uma quinta-feira
Chuvosa.

Sombras tenebrosas
De criaturas tinhosas
Espiavam
Rondavam
Cercavam.

Sempre presentes!
Sempre omnipresentes!
Sempre omnipotentes!
Nas aldeias lugarejos
E cidades.

Ameaçavam , torturavam , matavam.

Era já madrugada.
De repente, do breu da noite cerrada
Nasceu um dia claro. E o que antes era quase nada

Se juntou
Cresceu e multiplicou.

A vontade dos homens era una!
Juntos num ideal comum deram as mãos, vieram para a rua
E acabaram com a mordaça
Da impiedosa
Ditadura.

E o povo farto
Do freio
E da mordaça
Respirou de alívio
Saiu e encheu tudo que era rua e praça.

A plenos pulmões, em coro, gritou:

SOMOS LIVRES !!!
SOMOS LIVRES !!!
SOMOS LIVRES !!!

Fora! Com essa corja!
Com a escumalha!
Dos compadres!
Das comadres!
Dessa cambada!

SOMOS LIVRES !!!
SOMOS LIVRES !!!
SOMOS LIVRES !!!

Abril 2004

Deixe um Comentário »

Ainda sem comentários.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

site na WordPress.com.

%d bloggers like this: